quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Pastéis de Belém e Starbucks!

Cara ragazza!!

OMG que saudades que eu tinha de Pastéis de Belém quentinhos com canela!! Uma pessoa vai para fora e a distância obriga-nos a deixar de pensar em certas coisas boas, mas bastou pôr o primeiro (sim, porque um não chega) na boca para relembrar a maravilha gastronómica escondida naquele creme. Graças a Deus Nova York ensinou-me o verdadeiro sentido da palavra controlo e ponderação, e só por isso não foi tão difícil atacar o terceiro e quarto pastel...



terça-feira, 29 de setembro de 2015

Ainda sobre o des(packing)!!

Cara ragazza!!

Eu sei que posso parecer super desaparecida, mas gerir mil saudades, reencontros, conhecer sobrinhos novos, passeios, regressos ao gym, não tem sido nada fácil. Hoje por exemplo, o jetlag fez das dele e não consegui acordar às 7h para mais um treino matinal com o ditador da musculação (mas mais logo, lá vou eu!). Agora vou fazer o meu jogging até à banheira porque já estou atrasada para mais um almoço, e no meio disto tudo (que adoro) ainda há um monte de coisas para pôr em dia...




Mais activa no instagram, passem por lá!


domingo, 27 de setembro de 2015

Hudson New York + Hotel Hugo

Cara ragazza!!

Há muito que queria ter ido jantar e desfrutar do rooftop do Hotel Hudson, mas só acabei por me decidir já no final da minha aventura por terras nova iorquinas. Mas não podia ter escolhido melhor altura. Agora que as noites começaram a ficar mais frescas, nada melhor que um restaurante como este, super fancy e cosy para gargalhar com as amigas durante umas longas e boas horas. Depois de jantarmos no Hudson Common pensei em subir ao Sky Terrace e aproveitar a vista para relaxar e pensar no que se seguia, mas constatamos que aquele terraço será bom apenas para um chá das 17h. Sem música, sem álcool ou pessoas divertidas à volta, foi tempo de seguir viagem até ao Hotel Hugo!

Hudson New York LOBBY









 






sábado, 26 de setembro de 2015

Espelho meu, espelho meu...

Cara ragazza!!

Será possível eu estar mais grávida que a Carolina Patrocínio??



Pois é, nove meses passados e os estragos são... 4,5kg a mais!! Peso actual  57,5kg, graças a Deus não aumentei o número das calças, mas também era só o que me faltava! Todavia, agora é tempo de recuperar o tempo perdido e voltar À SÉRIA aos treinos! Neste primeiro mês treinarei duas vezes por dia. Uma de manhã cedo com o meu ditador da musculação preferido (o meu homem), e ao final do dia ainda não me decidi se vou voltar aos treinos duríssimos do ditador do cardio (o meu querido diabólico Shaun T) ou se experimento a Kayla Itsines. Vou tirar uma fotografia agora, para depois fazer um antes e depois, M-E-D-O! 

(esta fotografia ainda toda vestidinha 
para não perder a motivação, 'tá bom?)

Ainda durante o dia de hoje vou tentar passar numa livraria para comprar o livro da Carolina Patrocínio, porque se há coisa que eu sei é que não vai ser nada fácil esta mudança radical no meu corpo. Afinal de contas estive quase um ano a vegetar pelas avenidas de Manhattan... #oquenãotedesafianãotemuda Quem está comigo connosco?!

Preço 15,90 €

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

My #NYFW with Rachel Zoe & DVF

Cara ragazza!!

Numa das semanas mais agitadas em Nova York - as da moda - aconteceu o imprevisto de ter a oportunidade de estar na mesma sala que Rachel Zoe e Diane Von Fürstenberg!! Durante cerca de quarenta minutos ouvi-as falar sobre a indústria da moda, dos seus próximos projectos profissionais e como gerem as suas carreiras e vidas familiares. Enfim, provaram aquilo que eu já sabia, são mulheres com M gigante - do tamanho delas mesmo!


Vídeo completo aqui: Rachel Zoe

Vídeo completo aqui: Diane Von Fürstenberg
Não deixem de participar num programa televisivo, inscrições aqui. Espero que tenham a mesma sorte que eu de assistir a uma entrevista ao vivo e a cores com uma das vossas divas preferidas!! Este programa chama-se Aol., acontece diariamente e muitas vezes mais que uma vez por dia! Por isso, só têm que escolher a entrevista que mais vos interessa, reservar duas horas do dia para isso e ainda ganhar $30 pela vossa participação no formato! Querem melhor que isto?! Vá... depois não digam que eu não vos faço a papinha toda!

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

New Museum

Cara ragazza!!

Na passada quinta-feira aproveitei o facto de ser o dia de suggested admission no New Museum e lá fui eu, com $1 na carteira, visitar um dos museus que faltava da lista dos 365 things to do in NYC. Mas tenho a dizer que vim de lá super desiludida! Arquitectonicamente adorei o edifício, as instalações também são brutais, mas as duas exposições não lhes faziam jus. Eu sei que isto é uma questão de gosto, e que com o tempo elas vão mudando, por isso, quanto mais não seja pela visão exterior ou pela vista do rooftop, no sétimo andar aberto aos sábados e domingos, apareçam!

235 Bowery




Quintas-feiras entre as 7h e as 21h

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Countdown to LIS!!

Cara ragazza!!

Já me cheira bem, cheira a Lisboa!!! 
Ponto da situação esta madrugada num apartamento em Manhattan:
  • Música boa (e portuguesa) aos berros a sairem dos meus headphones;
  • Empacotamento da minha vida nova iorquina em três malas;
  • Tudo isto enquanto escrevo o último post em NY.
Duzentos e setenta dias depois, a minha aventura na Big Apple chegou ao fim. Curiosamente não tenho nada a sensação que aterrei ontem na cidade que nunca dorme. Os dias por aqui foram tão intensos que acabo por achar que um mês em NY representa um ano no resto do mundo. Por isso, se me perguntarem quanto tempo vivi em NY eu responderei nove "anos" inesquecíveis!!! Na bagagem, para além dos trezentos e cinquenta quilos de roupa e sapatos a mais, carrego dias, passeios e amigos que deixarão saudades para sempre.
Aqui, em Lisboa ou na Mongólia estas pessoas estarão para sempre comigo. O difícil será sempre fazer e carregar malas para ir matar tantas saudades, por isso, enquanto eu me lembrar deste dia quero ficar quietinha em casa, está bom?! Mas haverá sempre um sofá para vos receber!! Em troca, claro, de uma quantidade generosa de bagels, pão de batata e hummus!!!
Ainda por terras americanas, já conto os dias para reunir a turma Vayorken em Portugal para um merecido remember ao melhor ano da minha vida.

video
(Perdoem-me meninas, mas tive mesmo que partilhar. 
É um tesouro demasiado precioso para não ser partilhado com o resto do mundo! O Diogo disse que isto valia um dinheirão na net, por isso quem sabe ainda fiquemos ricas à pala dos nossos serões! O Art Director não se costuma enganar nestas coisas, por isso comecem a escolher o destino das próximas férias!!)

Poderiam ter sido dez anos, o tempo que passámos juntas, mas teria sempre sabido a pouco. Foi tão bom, tão rápido e divertido, muito ao estilo Sex and the City, mas melhor. Ashley, Andreia e Eduarda não acredito que o dia do "até já" chegou... A parte boa é que voltarei a ter a Fabíola outra vez do outro lado da avenida - um verdadeiro flashback em tempo real! E estaremos sempre à vossa espera meninas!
Querida Ash promete-me que vais cumprir a tua promessa e virás para mais pertinho de nós, senão eu e a F seremos obrigadas a fazer-te uma surpresa brevemente!! Andreia, ostrinha para as amigas, vou morrer de saudades tuas "pah", das tuas performances hilariantes ao vivo e as cores, dos teus programas super fancy, mas principalmente dos nossos brunch no Cafe Luluc (onde tudo começou!). Eduarda, a minha juke boxe preferida, vê-lá se convences o homem que o Wimbledon é que é, quero ser uma tia presente!! Diogo Nova York pertence-te, estás na tua praia! Carregas o ADN do nova iorquino que chegou, viu e venceu! És o nosso canivete suíçóportuguês! #putyourselfinprespective e as tuas #foodporn também que eu aguentarei a pirraça! Querida Maria (companheira dos meses gélidos) que sejas muito bem-vinda novamente à ilha! Eu sei que não há frio, chuva ou neve que te derrube, porque haverá sempre uma dose maior de sol e calor dentro de ti! À outra Maria, cheia de pinta e um doce de miúda, só posso esperar que no cinema ou mundo dos business ainda ouvirei falar muito de ti! Quem sabe um livro com todas as tuas aventuras no PAO! Promete-me que vais pensar nisto?!? O mundo deveria ter o prazer de rir até às lágrimas com todas as tuas histórias! 
Obrigada ainda à Sofia por todas as visitas relâmpago a Manhattan, foram tão rápidas como divertidas. São para manter, mas agora noutro código-postal, em Lisboa ou no Dubai só o futuro o dirá!! Obrigada Cristiano por me teres posto deliberadamente a fazer abdominais sempre que estivemos juntos (rindo às gargalhadas horas a fio), ao Filipe por trazer a arte PORTOguesa até nós, às famílias que me confiaram os seus maiores tesouros, ao mano e à namorada pelo maravilhoso mês de Agosto, à Diana pela inspiração no planeamento da viagem e finalmente à roommate Ana pelos meses de companhia.
Enfim, vocês sabem... Obrigada a todos pelos momentos de riso, lições e crescimento. Amanhã, por esta hora, aterrará em Lisboa uma nova Joana, uma Joana mais feliz, mais segura, mais realizada e completa.


Até já Lisboa!!!

Setembro - B Fachada


Vim dar um passeio para o sul do país,
Deixei-te em Lisboa, mas não porque quis.
Saber que te soa esta valsa que eu fiz,
Há-de ser coisa boa, sou eu quem to diz.
Mandei vir o saber de Paris.

Escrevi-te uma carta de coisas de amar,
Se não for entregue, não me vou desculpar.
Porque o dom que consegue esta valsa a soar,
Não és tu quem mo negue, não, nem quando eu voltar.
Quando abrires os teus braços, nada disto já vai importar.

E quando o sonho saciar vou fazer de tudo para acordar.

Às vezes eu sinto uns fantasmas por perto,
Ao entardecer e com o meu rulfo aberto,
Faço para te prender esta valsa que é certo.
Mais que para te vencer, é para ver se desperto.

Lembras-me em todas as coisas de cá,
E a cada passo eu me passo para lá.
Mas então o que eu faço é valsar isto em fá,
Para te ter num abraço que Vênus não dá.
Quando o verão acabar e nós dois for só tudo o que há!

terça-feira, 22 de setembro de 2015

365 things to do in NYC!

Cara ragazza!!

Para quem me vai pedindo dicas sobre o que fazer em Nova York aqui fica uma lista interminável... <A forma de fazer um check no que já fiz foi sublinhar a cinzento.>



365 things to do in NYC
  1. Tirar uma fotografia que retrate o Verão;
  2. Tirar uma fotografia que retrate o Outono;
  3. Tirar uma fotografia que retrate o Inverno;
  4. Tirar uma fotografia que retrate a Primavera;
  5. Ouvir um concerto Gospel no Harlem, na igreja East Mount Olive, na 26 W 129th St, aos domingos às 11h;
  6. Participar em aulas de ballet para adultos (coisa que gostava de ter feito cá e nunca consegui); 
  7. Ir a Brooklyn tirar uma fotografia à infra-estrutura da ponte de Brooklyn e passar o resto da tarde em Williamsburg;
  8. Patinagem no gelo no Rockfeller Center;
  9. Assistir a um concerto da Carly Rae Jepsen;
  10. Ir à zona trendy de Queens;
  11. Ver as luzes da árvore de natal de Rockfeller Center;
  12. Um concerto de natal no Radio City (Rockfeller Center);
  13. Visitar o hotel Ritz Four Seasons;
  14. Procurar onde fica a fonte do genérico da série F.R.I.E.N.D.S;
  15. Sair à noite para o 230th rooftop, na 27th com a 5 av;
  16. Assistir a um jogo do Madison Square Garden (Knicks); 
  17. Entrar no Chrysler Building;
  18. Fazer a tour do Sex and the City;
  19. Encomendar chinês e comer directamente da caixa com pauzinhos;
  20. Lanchar no Plaza Hotel;
  21. Andar num yellow cab - taxi!
  22. Tentar tirar um workshop na Fashion institute of Tecnology (Social Media Marketing);
  23. Ver um jogo de Baseball dos YANKEES;
  24. Voltar ao MoMA se possível numa sexta-feira porque não se paga entrada entre as 16h e as 20h;
  25. Quando sentir uma danada saudade de comida tuga, jantar no Pao - FECHOU;
  26. Assistir ao desfile do MACYS no St. Patrick's Day;
  27. Mascarar-me de bailarina de ballet (como a Carrie Bradshaw no Sex and the City) no Halloween;
  28. Participar num desfile durante a Fashion Week;
  29. Terminar de ver o Metropolitan Museum (suggested admission);
  30. Revisitar Guggenheim num sábado entre as 17h45 e as 19h45 (suggested admission);
  31. Conhecer o New Museum na 235 Bowery Street;
  32. Ir ao Museum of Natural History, para explorar o planetário (suggested admission);
  33. Voltar ao 9/11 Memorial, passado quatorze anos do desastre;
  34. Voltar a fazer o passeio à Estatua da Liberdade, mas desta vez com paragem obrigatória no Staten Island - o ferry é gratuito e é possível passar bem perto da Estátua. O ideal será fazer o passeio ao final do dia para apanhar o pôr-do-sol/noite que é quando as luzes sobre a cidade ganham vida
  35. Ellis Island Immigration Museum (gratuito às terças, quintas e sextas-feiras das 11.30h às 14.30h);
  36. Conhecer o Chelsea Hotel Chelsea - um marco na história da música e da literatura do séc. XX;
  37. Conhecer a colecção de arte da Grand Central Terminal, bem como os corredores das lojas e dos restaurantes - 42nd com a Park Avenue;
  38. Ir finalmente a Highline, uma antiga linha de caminhos-de-ferro elevada que virou um jardim/parque que vai da 30th à Gansevoort, ao lado da 12sd Av;
  39. Visitar o rooftop The Standard Hotel - na 13th com a Washington St;
  40. Tirar uma fotografia numa passadeira em Times Square;
  41. Tirar uma fotografia à porta da casa da Carrie (mas sem ficar desfocada desta vez!), n.º 66 de Perry Street, entre Bleecker e a West 4th.
  42. Claro que essa tarde não termina sem um cupcake no Magnolia Bakery - 401 Bleecker Street;
  43. Ir a China Town comprar um Dragon fruit;
  44. Aproveitar o facto de estar em Chinatown e procurar uma imitação, tão boa quanto possível, de uma CHANEL (afinal de contas, mesmo que fosse verdadeira, vocês acreditariam?!);
  45. Ir ao Zoo do Central Park, o mesmo que inspirou o filme Madagascar;
  46. Encontrar o palácio do Central Park;
  47. Descobrir os três grandes armazéns Saks Fifth Avenue, Bergdorf e Lord na Fifth Avenue;
  48. Passear muitas e muitas vezes em SoHo, descer a Broadway da 14 até ao Canal Street;
  49. Esplanar no jardim atrás da Public Library, é na 42nd com a 5th;
  50. Ver filmes sentada na relva numa noite de verão no jardim traseiro da Public Library;
  51. Passar um domingo quente de verão em Coney Island. Para chegar a Coney Island Beach basta apanhar o D, F, N ou Q. Nesta praia encontra-se o conhecido parque de diversões  de NY.   Brighton Beach (subway B ou Q). Rockaway Beach (subway A ou S);
  52. Ver o musical Wicked;
  53. Matar as saudades do Shake Shack
  54. Ir a Little Italy comer pizza ao Lombardi's Pizza - na Spring com a Mott;
  55. Ir ao The Jewish Museum New York (gratuito aos sábados);
  56. Comprar uma caixa com sushi, mas desta vez almoçar no Central Park;
  57. Desforrar-me no outlet da Century 21, em frente ao Memorial 9/11;
  58. Fazer as compras de natal aqui: Woodburry Commons! A uma hora de autocarro de Manhattan e com óptimos descontos! Convém apenas inscrever-se antecipadamente na VIP CLUB através do site, porque lhe dará direito a um livro de cupões à entrada!! O autocarro sai de Port Authority, na 41st com a 8th av, mas tem que se comprar bilhete/trocar o voucher se comprado online na 45th com a 8th av. Conselho da Maria: ir cedo (tipo estar lá às 10h) e levar uma mala para trazer as compras.
  59. Aproveitar o Hudson Hotel, um dos mais acolhedores rooftops da cidade, onde servem Cosmopolitans bem fortes - 58th com a 9th;
  60. Gansevoort Meatpacking é considerado dos melhores rooftops, mas ao fim-de-semana a fila chega a ter uma hora de espera - 13th com a 9th.
  61. Nas semanas mais difíceis sair e dançar no Apotheke - um bar/discoteca com música que vai dos anos 70 até aos dias de hoje, e os cocktails dizem que são muito bons (a Maria aconselha o After The Fall) - 9 Doyers st, em Chinatown.
  62. XL é uma discoteca gay, muito típicas da série Sex and the City, com música especialmente dos anos 80 e os hits comerciais dos últimos anos. Eles são todos super friendly e fica na 42nd com a 10th.
  63. The Box é talvez o sítio mais hardcore de NY. Tem shows de meia em meia hora e vê-se de tudo. Há quem se choca facilmente, não aconselho. De resto, ficam a saber que o Di Caprio tem lá mesa e a Madonna convidou alguns dos performers para actuarem na sua festa de anos. Às sextas e aos sábados é impossível entrar sem nome na guest list, mas às terças e quartas é muito mais fácil. Fica na 189 Chrystie st.
  64. Jantar e não fazer mais nada o resto do mês: Balthazar é um dos sítios chiques de Soho. Bom para pequeno almoço ou lanche. E a Apple Pie... (Tenho que pelo menos lanchar a Apple Pie!);
  65. Provar o Combo de Mac&Cheese da Cafeteria, conhecido como o melhor de NY - 17th com a 7th av;
  66. Jantar na Fig and Olive no Meatpacking, come-se muuito bem e as sobremesas são deliciosas - 13th com a 9th av;
  67. Provar a giant fortune cookie do Tao - na 58th com a Madison;
  68. Jantar no Buddakan!!! O arroz frito com ovo estrelado é mesmo bom. Fica na Meatpacking District, 16th com a 9th. Proibido sair sem provar a sobremesa de gelado com cream cheese (perguntem qual é) é divinal;
  69. Se tiver algum desejo de caril ir ao Spice Market. Dos restaurantes caros deve ser dos mais baratos, são mais ou menos 50$ por refeição - Meatpacking District, 13th com a 9th av;
  70. Festejar o Brazilian Day;
  71. Fazer uma excursão às Cataratas de Niágara;
  72. Aprender a fazer Apple Pie;
  73. Comer pizza por 1$;
  74. Comer Hot dogs por 1,5$;
  75. Visitar a parte norte de Manhattan, perto da Universidade;
  76. Conhecer o Campus da Columbia University;
  77. Conhecer o Campus da Universidade de Nova Iorque;
  78. Ir aos armazéns de tecidos no Fashion District - Project Runway;
  79. Tentar assistir a um espectáculo televisivo gravado em directo;
  80. Ver mais um musical na Broadway - o Alladin ou a Cinderella (Atenção que já vi o Phaton of the Opera e The Lion King no West End, e o Mamma Mia na Broadway. Daí agora ter como principal objectivo o Wicked e outro da Disney - puro estudo de mercado para quando tiver filhos, claro...);
  81. Comer canolli em Little Italy;
  82. Passear em Battery Park, em Brooklyn;
  83. Visitar a biblioteca de Brooklyn que fica mesmo ao lado do parque e tem uma fachada lindíssima;
  84. Almoçar no Rockefeller Center;
  85. Tirar uma fotografia ao New York Stock Exchange
  86. Visitar a Catedral St. John The Divine;
  87. Revisitar a St. Patrick's Cathedral;
  88. Passear no Riverside Park ao longo do rio;
  89. Ir as compras ao Zabar's que aparece no filme Manhattan do Woody Allen;
  90. Ir ao diner do Seinfeld;
  91. Comer a maior hamburger de todos os tempos no Five Napkin Burger;
  92. Tomar o pequeno-almoço no Central Cafe onde podes encontrar as melhores panquecas antes, das 10h30 e fica em frente à Grand Central;
  93. Jantar no The View-Revolving Restaurant no rooftop do Meridien em Times Square;
  94. Fazer uma viagem de helicoptero para ver o pôr-do-sol sobre New Jersey e Manhattan;
  95. Visitar The Museum at the Fashion Institute of Technology;
  96. Visitar o New York Aquarium (suggested admission às sextas);
  97. Visitar o Museum of Moving Image (gratuito às sextas das 16h às 20h);
  98. Passear no Brooklyn Botanic Garden (gratuito aos sábados);
  99. Passear no New York Botanical Garden (gratuito às quartas-feiras);
  100. Visitar o Bronx Zoo (gratuito às quartas-feiras);
  101. The Frick Collection (gratuito aos domingos das 11h às 13h);
  102. Ver o Rockefeller Center Public Art;
  103. Descansar em Bryan Park;
  104. Nutella Bar, Eataly;
  105. Brooklyn Academy of Music - Todas as sextas e sábados é possível assistir gratuitamente a um concerto de jazz;
  106. B.B. King Blues Club & Grill - Sextas e sábados concerto de blues e jazz gratuito a partir das 21h. Fica localizado na Times Square e está sempre repleto de turistas. É um dos melhores locais para assistir a este tipo de musica;
  107. Para quem procura algo para trincar sem gastar um tostão, todas as sextas o Mark Bar em Brooklyn oferece pizza e aos sábados oferece café e bagels aos seus clientes;
  108. Aos sábados o Big Nose Full Body em Brooklyn oferece provas de vinho e todos os sábados tem um tema diferente;
  109. Candle Cafe & Candle 79 (Upper East Side e Upper West Side, $$). Restaurante criado por duas irmãs, onde toda a comida é vegetariana e orgânica.
  110. Hu Kitchen (Union Square, $). É possível pegar na comida e ir comê-la para o jardim, que fica mesmo em frente ao restaurante! O menu tem há disponibilidade sumos naturais, peixe, sopa e saladas.
  111. The Butcher´s Daughter (Nolita, $). Os menus mudam todos os dias e são 100% vegetarianos. Têm também alguns menus vegan e gluten-free. Desde saladas a sumos detox este restaurante é sem duvida um dos favoritos da blogger.
  112. Sweet Green (Flatiron,$). Este local fica numa zona muito bonita da cidade. O ideal será mesmo sentar-se na esplanada, principalmente num dia de sol. Usam apenas ingredientes orgânicos e é possível ter informação exacta do nome da quinta, de onde os ingredientes são provenientes.
  113. Juice Generation (espalhados por Manhattan e Brooklyn, $). Servem sumos e batidos, sopas, pastelaria saudável, comida crua. Os batidos de vegetais são particularmente refrescante e saciantes.
  114. ABC Kitchen (Downtown NY, $$). Não só a comida é orgânica como todo o restaurante é feito de materiais reciclados num ambiente sustentável. Toda a comida é deliciosa e um dos pratos mais conhecidos é sem duvida as pizzas integrais e o ravioli de ricota.
  115. Freshii (Espalhados por NY, $). Maioritariamente vegetariano, mas também tem opções de carne e peixe. Grande variedade de sopas, wraps e pizzas.
  116. Maoz Vegetarian (espalhados por NY, $). Os menus são bastante em conta. Famosos pela grande selecção de saladas.
  117. Veggie Grill (espalhados por NY, $). Grande variedade de saladas, sandes, sopas e aperitivos. Todos os hambúrgueres são vegetarianos e são acompanhados com pão ou vegetais.
  118. Chop´t (espalhados um pouco por NY, $). São conhecidos maioritariamente pelas suas deliciosas saladas, mas também oferecem óptimas sandes. As saladas são feita a nossa maneira, mas também existem algumas pré-feitas;
  119. La Maison du Chocolate oferece os melhores chocolates e macarons da cidade;
  120. Loja de brinquedos FAO Schwarz;
  121. South Street Seaport, onde podemos almoçar no Pier 17;
  122. Caminhar um pouco por Brooklyn Hights, um bairro muito bonito e acolhedor;
  123. Conhecer o edifício Warner;
  124. Museum of Chinese in America (MOCA), 215 Center Street. Exposição permanente que retrata a vida agitada e turbulenta dos chineses que chegaram a NY. Está fechado às segundas e é gratuito às quintas-feiras;
  125. Mahayana Buddhist Temple, 133 Canal Street. É o maior templo budista em Chinatown. Fica mesmo em frente à Ponte de Manhattan e é possível ver o Buda de ouro com mais de 16 metro de altura, sentado na flor de lotus;
  126. Columbus Park, situada entre as ruas Bayard e Worth e entre a Mulberry com a Baxter Street. Ao fim de semana é possível encontrar cantores de opera chinesa e artistas que mostram os seus dotes de contorcionismo. Encontramos também chineses a jogar Mah Jong, praticar Tai Chi e Kung Fu. No verão é muito interessante este parque, pois podemos ouvir um sem fim de pássaros a cantar, pois os seus donos logo pela manha penduram por lá as gaiolas;
  127. Mercado New Kam Man, 200 Canal Street. Este mercado é muito mais que uma simples loja chinesa. Logo à entrada é possível experimentar variadas carnes assadas, noodles, sopas, bubble tea e outras iguarias. Existe também um departamento que vende ervas medicinais e no andar subterrâneo encontram artigos para a casa como porcelana chinesa
  128. Farmacia Kamwo Herbal, 211 Grand Street. É a maior e mais antiga farmácia chinesa. Quando entramos vemos diversas gavetinhas com ervas medicinais. Durante a tarde têm estudantes de acupunctura que respondem as questões dos clientes e é possível também marcar consultas de acupunctura. Dica: ver a secção de chás que é fabulosa. 
  129. Fried Dumpling, 106 Mosco Street (entre as ruas Mott e Mulberry). Os bolinhos fritos são a sua especialidade. 5 por $1.
  130. Visitar a estátua do Andy Warhol - The Andy Warhol Monument - the Decker Building at 33 Union Square West or the building at 860 Broadway; 
  131. Visitar Ir as lojas vintage de williamsburg e cafezar com os hipsters de lá
  132. Na Páscoa é imperdível a NY Easter Parade junto à Catedral St Patrick. É um verdadeiro desfile de chapéus exóticos;
  133. Fotografia na estatueta HOPE (ao lado do LOVE);
  134. 86 El Cantinero Mexican Restaurant;
  135. The Crocodile Lounge;
  136. The mark bar;
  137. Croxley's abbey;
  138. Standings;
  139. Alligator lounge; 
  140. Ryan Maguire's Ale House;
  141. Brazen head;
  142. Blind tiger ale house;
  143. Spring lounge;
  144. Food & Drink: skee-ball & hot dogs at full circle bar);
  145. Food & Drink: bierkraft's Tuesday tastings;
  146. Food & Drink: single cut beer smiths;
  147. Shopping & style: sephora Beauty treatments;
  148. Shopping & style: Beauty treatments at Lush cosmetics;
  149. Shopping & style: Tiffany & co. Shoppers' champagne;
  150. Events & attractions: arrested development bingo at ideology;
  151. Events & attractions: free for all at the public theatre;
  152. Events & attractions: Central Park moonlight ride;
  153. Events & attractions: Gael pub trivia night;
  154. Events & attractions: common ground trivia night;
  155. Events & attractions: branded saloon trivia night;
  156. Events & attractions: movies at the sony wonder technology lab;
  157. Art & Culture: Franklin park reading series;
  158. Art & Culture: Brooklyn poets reading series at dumbo sky;
  159. Art & Culture: the Atlas review reading series at 61 local;
  160. Art & Culture: target free Thursday at Lincoln center;
  161. Art & Culture: Miguel Abreu gallery, les;
  162. Art & Culture: Canada gallery, Les;
  163. Art & Culture: Salon 94 Bowery gallery, les; 
  164. Music & Nightlife: converse rubber tracks at music hall of Williamsburg;
  165. Music & Nightlife: temple of the virgins burlesque showcase at la flaca;
  166. Music & Nightlife: bands at otto's shrunken head;
  167. Music & Nightlife: roots dance party at Cielo;
  168. Music & Nightlife: music at Brooklyn night bazaar;
  169. Music & Nightlife: mobile Mondays at the Bowery electric;
  170. Music & Nightlife: basement Bhangra at le poisson rouge;
  171. Music & Nightlife: PAT at union pool;
  172. Music & Nightlife: BAMcafé Live;
  173. Music & Nightlife: Rhum Saturdays at Bembe;
  174. Music & Nightlife: The Bob Show drag pageant at barracuda lounge;
  175. Music & Nightlife: kings of karaoke at union hall;
  176. Music & Nightlife: bands at rockwood music hall (room 1);
  177. Music & Nightlife: Pete's candy store;
  178. Music & Nightlife: wasabassco Sunday at bathtub gin;
  179. Music & Nightlife: room 69 at hotel Chantelle;
  180. Music & Nightlife: jazz at rue b;
  181. Music & Nightlife: Carnegie hall neighborhood concerts;
  182. The Bank of America Winter Village at Bryant Park;
  183. The Old City Hall Subway Stop - City Hall foi o terminal sul da primeira linha de metro da cidade de Nova York;
  184. 77 Water Street Rooftop;
  185. Secret Gardens of Rockefeller Center;
  186. The Berlin Wall;
  187. Secret Train Platform Beneath the Waldorf Astoria;
  188. The Smallpox Hospital on Roosevelt Island;
  189. The Whispering Gallery in Grand Central;
  190. McGraw-Hill Waterfall Tunnel;
  191. Sidewalk Subway Map;
  192. Tunnels Beneath Columbia University;
  193. The Elevated Acre;
  194. Maiden Lane Sidewalk Clock;
  195. Hidden Waterfall at Green Acre Park;
  196. Tiny Street Doors;
  197. Statue of Lenin atop Red Square;
  198. Secret Subway Exit;
  199. Secret Garden at St. Luke in the Fields;
  200. Atlantic Avenue Subway Tunnel;
  201. Inscrever-me no ginásio dia 1 de Fevereiro!